sábado, 27 de fevereiro de 2010

Sinceramnte,


não sei que anjo ou que demônio faz eu me sentir assim.
Eu te odeio, mas te quero comigo, me sinto mal por vestígios me dizerem que ainda te amo.
Tentei esquecer tudo, mas não consegui esquecer a saudade.
Bom, talvez o anjo e o demônio seja você.
----------------------------
Letícia R.

2 comentários: