terça-feira, 27 de abril de 2010

Dúvidas


Até onde a história é verdadeira?
Quem é que tem mais razão no que diz e pensa?
Quando você tem uma dúvida, procura pela resposta
Ou de sua cabeça a dispensa?

Minhas dúvidas, impossíveis revogar
Mas quando penso no ser, no tempo, na vida
O que posso realmente afirmar?

Afirmo apenas que continuo me perguntando
Não sei o por que de onde, não sei o como do quando.

A vida é um eterno conhece e aprende
Hoje a gente duvida, amanhã a gente se surpreende.

Minha única certeza é que somos aprendizes
Enquanto não vemos clarezas
Das nossas dúvidas somos atores e atrizes.

Buscamos respostas, nos colocamos a pensar
Quem somos, de onde viemos, para onde vamos
Seremos para o resto da vida um pleno duvidar.
................................
Letícia R.

6 comentários:

  1. Adorei ;D É justo esse duvidar que leva a pessoas adiante, o exagero é quando a gente desconfia demais...

    ResponderExcluir
  2. Muuito bom, linda poesia.
    Tantas coisas nos levam a pensar sobre a vida né? Parar pra refletir é bom, as vezes...

    Bjs..

    ResponderExcluir
  3. O sorteio da Quarta Edição do Interativos já foi realizado. Você indicará um tema para http://osdiasdepoisdeamanha.blogspot.com/

    Lembre-se, você tem até terça-feira para indicar o tema.
    Confira o resto do sorteio na nossa comunidade do orkut.

    ResponderExcluir
  4. Gosteii do texto Leti,
    mais a vida é isso, quando você acha que ja achou todas as respostas a vida vai la e muda todas as perguntas,.
    :D

    ResponderExcluir
  5. adorei seeu blog :D

    ResponderExcluir
  6. Oh, Deus quem sou eu? O_o
    A pior das dúvias!

    Gostei do texto. =]

    ResponderExcluir